Alerta Bahia
Carinhanha Destaque

Quatro carinhanhenses foram indiciados por receptação de moto roubada em Caetité

Moto roubada/Foto: Polícia Civil

Um crime comum na região, receptação de produto (veículo) furtado ou roubado levou quatro pessoas a serem indiciadas pela Polícia Civil, na manhã dessa sexta-feira dia (16) de outubro, em Carinhanha, oeste da Bahia. 

Uma motocicleta, marca Honda, modelo Bros, cor vermelha que foi tomada de assalto no município de Caetité/BA no ano de 2009  foi recuperada pela Guarda Municipal Carinhanhense no dia (09) do corrente mês, e aqueles que haviam comprado, que em visão da lei, receptaram, agora responderão pelo crime. 

Conforme apurou o Alerta Bahia, a moto foi recuperada e o condutor conduzido na Avenida Santo Antônio, onde os guardas viram a motocicleta e fizeram uma pesquisa com um aplicativo constatando que era produto de roubo. 

O condutor da motocicleta é residente do bairro São Francisco, sede do município, entretanto nem ele e nem os outros três envolvidos foram identificados. 

Qualquer pessoa que adquire, recebe, transporta, conduz ou oculta, em proveito próprio ou alheio, coisa que sabe ser produto de crime, ou influi para que terceiro, de boa-fé, a adquira, receba ou oculte, responde pela receptação. Ou seja, não adianta fazer vista grossa ou alegar que não sabia que o veículo era roubado/furtado”, disse o delegado Paulo Henrique de Oliveira. 

O verdadeiro dono da Bros já foi informado e virá ao encontro de seu veículo que não ver a 11 anos.

_____________________________________________

Post – 16/10/2020 – 12:05

Da Redação

Publicações Relacionadas

Caetiteense que acompanhava um Parque se afoga no rio São Francisco em Carinhanha

David Porto

Guanambiense vai vestir a camisa do Brasil em torneio internacional na Inglaterra

David Porto

Justiça defere também as candidaturas de Vilson Correia e Chica do PT em Carinhanha

David Porto
Carregando....

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceito Leia Mais

Privacidade & Política de Cookies