Alerta Bahia
Destaque

Lei Maria da Penha determinará o afastamento do agressor em relação à vítima

Foto: Internet

O afastamento do agressor do convívio da vítima de violência doméstica é uma modificação na Lei Maria da Penha aprovada nesta terça-feira (14), na Câmara dos Deputados.

Segundo o G1, o projeto de lei possibilita a aplicação imediata de medidas de proteção à mulher em casos de violência doméstica e familiar. O texto foi aprovado por consenso entre os deputados e agora segue para análise no Senado.

Atualmente, de acordo com a lei em vigor, as medidas protetivas só são aplicadas após a decisão do juiz. Com a mudança, as autoridades policiais poderão determinar o afastamento do agressor do local de convivência ao receber a denúncia de uma mulher agredida, por exemplo. Em seguida, a polícia aciona o juiz competente e o Ministério Público sobre a decisão.

O agressor ainda poderá ser obrigado a devolver os bens indevidamente retirados da vítima e ter porte de arma suspendido. Além disso, o projeto também sugere que a polícia solicite serviços públicos de saúde, educação e assistência social para a vítima e seus dependentes, além do auxílio de qualquer entidade pública ou privada de assistência à mulher.


Post – 18/08/2018 – 08:36

Notícia do Brasil

 

Reprodução: Portal Lapa Oeste

Publicações Relacionadas

Polícia Militar atende denúncia onde criança estava sendo espancado pelo pai em Carinhanha

David Porto

Homem dispara três tiros em direção guardas municipais e filho de GM em Carinhanha

David Porto

Besouros chegam à região, e comunidade de Malhada aparece quantidade nunca vista antes

David Porto
Carregando....

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceito Leia Mais

Privacidade & Política de Cookies