Alerta Bahia
Plantão Alerta Bahia

Jornalista se retrata por acusação ao deputado Artur Maia

O deputado Arthur Maia (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Jornal emite nota de desagravo com relação a notícia de que o deputado Artur Maia teria ligação com empresas prestadoras de serviço público no município de Bom Jesus da Lapa/BA.

Acompanhe a nota na íntegra:

 

  NOTA DE ESCLARECIMENTO

Em resposta à nota “Máfia do lixo: STF envia inquérito contra Arthur Maia para TJ-BA”, transcrevo inicialmente o desmentido feito em juízo pelo autor da nota que suscitou a denúncia:

“Eu, JOSÉ EMANOEL VIRGINO, jornalista, com endereço profissional na Rua Professor Antônio Barbosa nº 171, São João – Bom Jesus da Lapa/BA, pelo presente TERMO DE RETRATAÇÃO, por livre e espontânea vontade, venho a público retratar-me cabalmente das ofensas por mim praticadas contra o deputado federal Arthur de Oliveira Maia da Silva, especialmente em relação aos falsos fatos que a ele imputei, sabendo serem inverídicos, no bojo de reportagem veiculada no “Jornal Visto 24 horas”, na segunda quinzena de junho de 2015.

Reconheço que as inverdades por mim proferidas foram baseadas em boatos mentirosos, a respeito dos quais jamais busquei verificar autenticidade, não possuindo qualquer conhecimento sobre vínculos do deputado federal Arthur de Oliveira Maia da Silva com empresas prestadoras de serviço público no município de Bom Jesus da Lapa/BA. Assim, serve a presente NOTA DE DESAGRAVO para que se restabeleça a verdade dos fatos, bem como a idoneidade do deputado federal Arthur de Oliveira Maia da Silva”.

Além da confissão acima transcrita, destaco que:

  1. Foi valendo-se desta nota que um adversário político em Bom Jesus da Lapa apresentou uma denúncia ao Ministério Público, que, por sua vez, fez chegar ao Supremo Tribunal Federal, que agora remete esta ação ao Tribunal de Justiça da Bahia;
  2. A denúncia é uma excrecência:
  3. a) Sou adversário político e não mantenho nenhuma relação com o prefeito de Bom Jesus da Lapa, Eures Ribeiro, que é o responsável pela contratação dos serviços de limpeza pública;
  4. b) Não conheço NENHUMA das empresas envolvidas no processo de licitação. Desafio qualquer um a apontar um único contato telefônico, pessoal ou de qualquer outra espécie que eu tenha mantido com qualquer uma delas.
  5. Finalmente, sou obrigado a reconhecer que a política tem se transformado em território onde só podem conviver os que não se importam com a sua própria honra. Afinal, como pode uma mera nota de panfleto sem nenhuma prova e agora desmentida pelo seu próprio autor tomar essa dimensão? Essa prática me enoja e afugenta da política aqueles que se preocupam com a sua dignidade. Sem absolutamente nenhuma preocupação com o seu mérito, espero apenas que a conclusão de tudo isso se faça com brevidade.

Arthur Oliveira Maia Deputado Federal (DEM/BA)

 


Post – 16/05/2018 – 13:30

Notícia do Brasil

 

Informação em Reprodução (ASCOM)

Edição: David Porto

 

Publicações Relacionadas

Homem morre após tiro na cabeça em Caetité

David Porto

Cerca de 09 presos fogem da delegacia de Carinhanha

David Porto

Servidores da educação de Carinhanha reclamam de descontos indevidos de até R$ 1000,00 nos proventos de fevereiro

David Porto
Carregando....

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceito Política de Privacidade

Privacidade & Política de Cookies